segunda-feira, 31 de outubro de 2016

sonhos...

Nos meus sonhos
sem pedir permissão
você aparece
angustiado e brabo.
Diz que não vai me soltar
que espera algo
que não sabe dizer.
Segura o fio invisível
que nos une -
a memória do desejo
e uma saudade difusa
que aperta o peito.
Foto © Howard Schatz