quarta-feira, 30 de junho de 2010

amor natural


o amor é a morada do coração
o fruto bom da vida
ele sempre vem 
no altar da consciência
Heberle
Em cada coração há uma janela para outros corações
Eles não estão separados, como dois corpos
Mas, assim como duas lâmpadas que não estão juntas,
Sua luz se une num só feixe


Rumí o poeta do amor