quinta-feira, 22 de setembro de 2016

não esqueço que os teus lábios existem longe de mim

José Luís Peixoto