quinta-feira, 29 de julho de 2010

infinito chamado desejo



somos infinitos
desnudados podemos
descobrir

e
ficar cientes,
da alma e do espirito.
nossa essência pode mudar
o mundo,
como idéias compaixão, amor, alegria, verdade, justiça.

a prática do amor
é a única religião verdadeira,
capaz de religar o homem ao sí,
ao Ser
Universal
ao qual somos parcelas.
Heberle Babetto